25 abril 2006

o PAO

É um restaurante portugues fantástico!
Fica na esquina da Spring com a Greenwich, no west side of Manhattan.
Foi a ultima jantarada antes da partida do Joao e do Frederico, de volta a Lisboa! Reservado por eles foi para mim e para o Nuno uma surpresa… e que deliciosa surpresa.
O espaço é muito pequeno mas super acolhedor. Como fica numa esquina é cheio de janelas e torna-se muito desafogado aquele acolhedor cantinho.
Ouve-se falar muito portugues, claro, mas também se ouvem as outras linguas de Nova Iorque.
Desde a decoraçao aos menus tudo tem uma apresentaçao cuidada, original e muito portuguesa, sem cair no “cliché”.
Para entradas uns pastelinhos de bacalhau, umas sardinhas marinadas e uma cataplana de marisco! A acompanhar estas delicias um vinho branco muito fresco! Que delicia… já comia outra vez. Os pratos sao extremamente bem apresentados sem exageros estilisticos mas os olhos sao sempre os primeiros a comer e, se isso para os gulosos portugas nao interessa, torna-se extremamente importante quando se quer cativar um americano a provar uma nova iguaria. E o “PAO” fá-lo muito bem.
Depois veio para a mesa uma dose de carne de porco á alentejana e uma de Borrego. Duas doses para quarto pessoas sao mais do que suficientes depois de umas boas entradas, claro. Para acompanhar desta vez uma garrafinha de vinho tinto do Dao.
Uma delicia!
O atendimento é muito simpático e até tivemos direito a ver a exposiçao inédita de um filme de 15 minutos realizado por um amigo da casa. Para terminar bem bebemos um calice de vinho do Porto D. Antonia … hummmmmmmmmmm, que jantar!

1 comentário:

ss disse...

ja tou com saudades!!